Mini Site: O que é e como ranquear no Google?

Indice de Conteudos

Fala pessoal, Lucas aqui trazendo exclusivamente para o blog um artigo completo sobre mini sites com tudo o que você precisa saber para criar um mini site e ranquear ele no Google.

Vamos la!

O que é um mini site?

Um mini site é um modelo de site com poucas paginas (3 a 5) com o principal objetivo de vender um produto específico através de uma review de conversão.

Você provavelmente já fez diversas pesquisas antes de realizar a compra de um produto, certo?

Uma pesquisa feita pelo SPC Brasil em parceria com o Meu Bolso Feliz comprovou que 9 a cada 10 brasileiros realizam uma pesquisa sobre o produto antes de realizar a compra.

Esse dado indica a importância dos famosos canais de review, sejam eles midiáticos como canais do YouTube, ou então canais escritos como blogs, mini sites e afins.

Uma das maiores vantagens dos mini sites em relação a outros modelos de websites como blogs e sites de nicho é a sua fácil administração, por ser um site com poucas paginas fica tudo muito mais simples.

Posso dizer ainda que a maior vantagem acaba por ser também o calcanhar de aquiles dos mini sites, por ser um projeto de tamanho reduzido, eles também tendem a alcançar menor publico, menor relevância e menor autoridade.

Quanto custa um mini site?

Os custos envolvidos com um mini site podem ser divididos em:

  • Domínio
  • Hospedagem
  • Artigos
  • Backlinks

Os valores específicos de cada um dos itens podem variar ao gosto do usuário, custos com artigos e backlinks podem ser tanto monetário quanto custo de tempo.

Algumas recomendacoes:

Hospedagem:

  • Umbler;
  • Hostgator;
  • Digital Ocean;
  • Amazon AWS;
  • Google Cloud;
  • Contabo.

Dominio:

  • Registro BR
  • Namecheap
  • GoDaddy

Como criar um mini site?

Para criar um mini site o primeiro passo é realizar o registro de um domínio, este deve ser pensado como uma marca pessoal ou então incluir o nome do produto (não recomendado).

Eu, pessoalmente, quando crio meus projetos pessoais sejam blogs, sites de nicho ou mini sites, gosto de escolher o dominio pensando em uma marca pessoal.

Quando possível incluo a palavra chave principal no domínio, mas, não faço esforço para que ela esteja presente.

Não utilizo e não recomendo que utilizem o nome do produto e/ou do produtor no domínio, pois pode acontecer de o produto não existir no futuro, o produtor ficar mal falado, o produtor cortar os afiliados e muitos outros pontos.

O segundo passo, apos a aquisição do domínio é a contratação de uma hospedagem. Em uma analogia didática seria como se o domínio fosse o endereço e a hospedagem o terreno da casa.

E como terceiro e ultimo passo temos a construção do mini site, esta etapa envolve a redação de artigos satélites, redação do artigo de conversão ate o design das paginas, botoes e menus.

Como ranquear meu mini site?

Nesta seção o mini site possivelmente já esta finalizado com 3 a 5 artigos satélites distribuindo relevância para um grande artigo de conversão.

Para que o mini site comece a receber trafego orgânico de pesquisa, precisamos realizar alguns processos de otimização nos artigos e também realizar processos externos ao site.

Os processos de otimização em questão é o que chamamos de Otimização para os Motores de Pesquisa (SEO).

Dentre todos os processos de otimização, podemos dividir em 3 grandes grupos:

  • Autoridade
  • Relevância
  • Performance

A união dos 3 grandes pilares sera responsável pelos resultados obtidos com o mini site.

Autoridade

Trouxemos para o Brasil uma tradução duvidosa de popularidade como autoridade.

Os principais fatores de SEO presentes nesse grupo sao:

  • topic cluster (estrutura do site e estrutura dos conteudos)
  • link building (aquisicao de links)
  • EAT (expertise, autoridade, confiabilidade)

A maior parte dos fatores que dizem respeito a autoridade devem ser entendidas como a popularidade dos conteúdos presentes no site, se o conteúdo esta sendo compartilhado e/ou referenciado em outras paginas da web por exemplo.

Este grande grupo também pode ser conhecido como SEO Off Page.

Relevancia

Neste grande grupo estao presentes:

  • intenção de busca
  • TF-IDF

Aqui podemos abordar os famosos fatores de SEO On Page, como:

  • titulo da pagina
  • meta descricao
  • URL
  • palavras chave
  • headings/conteudo
  • arquivos de midia (imagens, videos, infograficos)
  • linkagem interna
  • legibilidade
  • responsividade e compatibilidade com dispositivos moveis
  • chamada para a acao
  • velocidade de carregamento
  • dados estruturados

Performance

No terceiro grande grupo podemos destacar:

  • rastreabilidade e indexacao do website
  • velocidade do site

Aqui entram alguns ajustes técnicos afim de tornar o site o mais útil e rápido o possível.

Devo construir um blog ou um mini site?

A decisão final sempre sera sua, porem acredito fortemente que a construção pode iniciar pequena no formato de um website, mas deve sempre pivotar para a construção de um blog de autoridade.

Um mini site possui vantagens de ser rapido e facil de ser construido, porem possui a desvantagem de ficar limitado devido a seu tamanho.

Uma forma de contornar as limitações que um mini site apresenta é transforma-lo em um site de nicho, ou ate mesmo um grande site de autoridade.

Conclusão

Um mini site é apenas um dos tipos de sites com o qual você pode monetizar na web, seja vendendo produtos de terceiros como afiliado (hotmart, eduzz, monetizze, amazon, lojas b2w e outros), seja vendendo produtos próprios (ecommerce, infoprodutos).

Você pode também monetizar através da internet com o robô milionário por exemplo, que são os famosos chatbots do Facebook que se bem aplicados em sua estrutura pode gerar milhões de reais em faturamento.

Existem alguns cases de mini sites de sucesso pela web, principalmente por aqui no Brasil porem o que recomendo para todos que desejam entrar para o universo web é a construção de um projeto de autoridade.

Vender com mini sites pode ser uma tarefa fácil porem tem suas limitações, assim como tudo na vida ha pros e contras.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Quer receber novidades?

Não perca mais dicas e conteúdos gratuitos!